Será hoje o Big Bang no Brasil?

 big bang

Os físicos acreditam, numa tese para mim, meio maluca, como consideravam também a Albert Einstein, antes dele revelar ao mundo a sua tese da Relatividade, que o cosmos foi criado a partir de uma grande explosão que deram o nome de Big Bang e daí surgiu o Universo.

Todavia, acredito que os homens que mudaram nosso século, não sabiam o que era o partido do PT e nem conheciam Lula da Silva e Dilma Rousseff. Se soubessem, ignorariam o país deles, com certeza.

Podem perguntar a Charles Chaplin, Sigmund Freud, Pablo Picasso, Buda, Karl Max, Nietzsche, Gandhi, Da Vince, Charles Darwin, Maquiavel, Carl Young, Carl Rogers, e também a Sócrates e Platão e, também ao criador da tese dó Positivismo, Augusto Comte, cara que gosto de seguir sua tese até hoje. Com certeza esse pessoal aí citado, não conheceram nem Lula e nem Dilma e, vice versa, caso contrário eles teriam arrumado a Casa chamada Brasil e não a transformariam na pocilga política e econômica em que ela está.

Afinal, essas personalidades ai citadas, mudaram os rumos da cultura e da ciência mundial com seus brilhantes ensinamentos. E, ao invés disso, o senhor Lula da Silva, presidente do Brasil duas vezes, e sua sucessora Dilma Rousseff, também na segunda legislação, afundaram o Brasil como se fora um navio mercante afundado na Segunda Grande Guerra por um submarino nazista.

Nada aprenderam com os grandes vultos do passado e tampouco com os cientistas políticos modernos, ou grandes economistas tupiniquins ou da elite mundial.

Pelo contrário, deixaram a carroça cheia de grãos de ótimas sementes para cultivar o país por muitas décadas, descer ladeira abaixo como uma bola de neve. Foi uma explosão imensa quando a carroça espatifou! Não sobrou um grão sequer para matar a fome do Zé Povinho. Os congressistas, e as grandes empreiteiras e seus executivos, em conluios com servidores públicos de toda esfera nacional, se apoderaram do que deu para juntar e puseram fogo no que restou da carroça.

Se o Ali Babá e seus 40 ladrões tomassem conta do Congresso Nacional e o pirata Capitão Kid governasse o país, acredito que nossa nação estaria bem melhor do que está hoje. Em breve saberemos como vai ficar o navio chamado Brasil, se ele vai continuar conduzido pela mestra Dilma ou, se vão pedir um substituto para ela, antes que o navio Brasil naufrague de vez. Do jeito que está não pode ficar.

Este domingo tem um gostinho especial para o brasileiro que tem esperança, a única coisa que nos resta, pois até a dignidade que tínhamos se esfumou conforme disse o seringalista Sissi lá do seu seringal na floresta Amazônica. Já a Santa Tambura afirma que ainda bem que nos rios da Amazônia tem fartura de peixes, praias no verão e muito carimbó e lambada pra botar o corpo em ação. Muito frívola minha querida santinha, não?

Do jeito que está não dá mais. Isso quem diz são as melhores revistas de finanças do planeta. Até a poderosa China está se quebrando e, isso leva o Brasil mais para o fundo do poço ainda, já que os chineses, na atualidade, são os maiores parceiros comerciais do Brasil, importam minério de ferro, carne  e soja em grande escala.

O Governo de Dilma, do partido petista, está mais embaixo que diferencial de sapo ou pernas de cobra, nem dá mais para se arrastar. E o pior é que está tentando arrastar junto milhões de famílias, operários e industriais que acreditaram neles e hoje amargam uma derrocada pior que a de 1929 que levaram o gigante norte-americano para o lodo, na pior fase da sua história política e econômica.

Somente peço um pouco de esperança neste domingo, que as cobranças populares não sejam violentas, não modifiquem a estrutura democrática que tomou conta do país depois do governo militar. Que ela continue sendo democrática, mas com muito mais responsabilidade e, que no futuro, tenhamos um Congresso Nacional formado por verdadeiros patriotas, e não com parlamentares desunidos, mal-intencionados e com interesses escusos que visam unicamente em se locupletarem nos cargos.

Que façam panelaços, gritem, esperneiam, façam discursos, soem palavras de ordem, soltem fogos para o ar e não em outras pessoas, não usem violências contra o bem particular e nem contra prédios públicos e, tampouco queimem ônibus, afinal, as perdas sairão novamente dos tributos pagos por todos nós. Democracia Sim! Violência Não! Bom Domingo a todos! Vou! Fui! Inté!

 

Vismar Kfouri – jornalista, escritor e ambientalista. kfouriamazonia39@gmail.com – blog https://kfouriamazonia.wordpress.com/ – Contatos para palestras: 17-99186-7015.

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s