PMDB e PT usam a TV para mudar o óbvio ululante

Os partidos da situação PMDB e PT algemados um ao outro, mas não presos na mesma cela, por enquanto, usam o horário gratuito nas TVs do país para passar uma nova mensagem, procurando é claro, mudar o óbvio ululante que a nação sabe que é mais mentiras soltas ao vento para tentar mudar o quadro caótico em que colocaram a sétima economia mundial.

Todavia, parece que a espingarda que usaram não é de boa qualidade e o tiro saiu pela culatra. Bem feito para quem mente e engana o povo, disse a querida Santa Tambura lá das entranhas da linda e pirateada Amazônia

Já o velho e sábio seringalista Sissi, do interior rondoniense foi mais claro e objetivo. Esperto e tarimbado na política partidária, explicou que tanto o programa do PT como o do PMDB, tentou tapar o sol com a peneira mentindo e fazendo novas promessas como faziam os velhos coronéis de barranco no século XIX em seus currais eleitorais.

Já o filósofo Zé Praxedes, também lá das entranhas da bela floresta tropical da Calha Norte, foi mais enfático e disse que, o brasileiro já viu este filme. Acrescentou que se as promessas feitas na mídia televisiva nas últimas horas pelos políticos desastrados que estão no poder não surtirem efeitos positivos em tempo curto, a situação social vai recrudesceder e, o estopim que foi colocado pelos governos petistas com a colaboração dos peemedebistas no barril de pólvora, pode fazê-lo explodir a qualquer instante.  

Já o pajé Miratinga, da tribo dos Uru Eu Uau Uau, falando com o Nézin Manguaça que nesta hora não havia bebido nenhum tiquinho de pinga de cauim, filosofou como cara pálida: “Tanto cara pálida quanto índio, não fica muito tempo com barriga vazia. A gente não pensa direito, fica nervoso porque curumim e mulher passam fome, não tem remédio pra dor de dente ou pra cortar dor de barriga, aí o poraquê pega pra valer, os políticos cara pálidas têm que procurar uma saída logo se não quiserem virar comida de piranha preta, tenho dito”. É, o macaco tá certo!

Realmente, tanto o PT quanto o PMDB mostraram em suas mensagens televisivas que estão destoados do Zé Povinho, não mostraram nada de novo no Quartel de Abrantes que continua como dantes. Ou seja, está mais perdido que cachorro que caiu do caminhão de mudança.

Se não houvesse as Operações Mensalão e mais recentemente a Lava Jato e a Zelotes, o Brasil estaria numa situação pior e, com a sangria ainda sendo feita pelos responsáveis com atos de rapinagem do dinheiro público. Se formos citar nomes de políticos, executivos e empresários presos pelo rombo feito aos cofres nacionais, o jornal não teria espaço para editá-los.

Se tivessemos políticos mais pragmáticos, ou mesmo ortodoxos, com ideias voltadas à sociedade, quiçá o Brasil não teria caído nas falsas promessas dos responsáveis que nos jogaram no abismo da inflação alta, desemprego, falências, juros escorchantes, famílias sem meios de se alimentarem descentemente e, isto sem falar na péssima qualidade da educação, da saúde e da segurança pública que inexistem hoje.

Quem acreditou nas mensagens televisivas dos dois partidos que (des) governam esta baita nação, é um sonhador ou, no mínimo um astronauta que vive na lua. Vou! Fui! Inté!

Vismar Kfouri – jornalista, escritor e ambientalista. <kfouriamazonia39@gnmail,com> Blog: https:\\kfouriamazonia.wordpress.com –  Contato P|Palestras: 17-99186-7015.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s