O que é verdade e o que é mentira no Brasil de hoje?

Reunidos numa cabana na selva amazônica, os personagens do assunto em pauta resolveram tentar descobrir o que é verdade e o que é mentira na administração pública brasileira depois da ação coercitiva da Polícia Federal pra cima do senhor até então intocável Lula da Silva.

Enquanto Nézin Manguaça fritava umas matrixãs numa frigideira preta e cascuda pelo uso, o filósofo Zé Praxedes passava informações sobre os acontecimentos recentes da política e da economia para a Santa Tambura, seringalista Sissi, pajé Miratinga, dos Uru Eu Uau Uau, morubixaba Mapinguari e para o coronel Totó, que já encontrou seus coturnos lá nos cafundós da floresta tropical da Calha Norte e, resolveu ficar morando dentro dela, ajudando seus povos tradicionais.

Depois de explicar os últimos acontecimentos com o depoimento de Lula da Silva à Polícia Federal, sob medida coercitiva e os desdobramentos que o fato gerou no Brasil, o pajé Miratinga fez a pergunta que todos queriam ouvir:

“Zé Praxedes, eu acho que deu para entender que os caras pálidas, são na verdade, muito difíceis de se entender. Se há indícios de que o ex-presidente praticou roubos ou  atos ilícitos como o branco fala durante e depois de seus dois mandatos e o mesmo aconteceu com a atual presidente, a senhora Dilma Rousseff, como é que tem gente que ainda acredita e briga por eles?”

O pajé deixou ainda mais perplexos seus amigos ao continuar sua explanação: “Ainda tem gente que briga em defesa de quem rouba até seus próprios seguidores através dos impostos que pagaram e foi descontado em folha? Este pessoal é fanático ou cego?”

“É a eterna briga entre o bem e o mal? Será que não dá pra perceber que quem rouba esvazia os cofres de um país inteiro, não pode ser considerado do bem? Branco é difícil de entender, troca os valores e, de tanto repetir a mesma coisa, mesmo que seja mentira, com o tempo essa mentira vira verdade na boca do povo?”…

Realmente o velho índio de bobo não tem nada, com seu radinho de pilhas ouve a Voz do Brasil diariamente e, politicamente falando, está à frente de muito branco ilustrado, salientou o sábio seringalista Sissi, até parece um cientista político dando palestra em faculdade.

Os fatos descobertos pelas autoridades federais não são provas incontestes de que eles formaram uma quadrilha pra esvaziar os cofres da Petrobras e deixar milhões de famílias ao desamparo? Mesmo com os presos que fizeram delação premiada e os que estão sendo investigados com fatos apontando responsabilidades para o ex-presidente e a atual presidente, ainda tem gente que briga por eles?  

E como pode esse tipo de políticos mentirosos ainda tem seguidores só porque se diz juridicamente, que, enquanto não for o fato julgado, tudo não passa de presunção?

Setenta anos depois da II Grande Guerra e com a derrota do ditador alemão Adolf Hitler, o mundo ainda tem seguidores de sua ideologia de raça pura. Em cada cabeça uma sentença ou um pensamento diferente do outro. Até gêmeos tem pensamentos diferentes um do outro, disse Sigmund Freud certa vez.

Enquanto o Brasil vive desgovernado, tem gente que ainda acredita que Dilma e Lula são íntegros, o que fazer num país de grande taxa de incultos, se ainda tem gente que acredita em Papai Noel? Arre égua! Vou! Fui! Inté!

Vismar Kfouri – Jornalista, escritor e ambientalista. kfouriamazonia39@gmail.com Blog:https:\\kfouriamazonia.wordpress.com – Contatos P\Palestras: 17-99186-7015.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s