Natureza cobra ônus com vidas do Meio Ambiente

A força das chuvas que se abateram sobre a Grande São Paulo nas últimas horas, provocando 20 mortes,  nada mais é do que a cobrança que a natureza faz ao homem pela agressão que ele pratica contra o Meio Ambiente. Assim disse Santa Tambura lá da pirateada e sempre pranteada Amazônia, por onde entra armas e drogas e, também sai nossas riquezas naturais sem pagar qualquer imposto que possa reverter em beneficio dela.

Se o homem com sua ganância e negligência não provocasse o efeito estufa, teríamos menos desastres naturais no planeta. Como isso não acontece, temos o efeito estufa, o degelo, excesso de raios, chuvas, furacões, terremotos, incêndios e grande precipitação de neve até em região onde nunca antes choveu ou caiu neve.

É a mão do bicho homem acabando com o planeta, disse o sábio seringalista Sissi lá do interior rondoniense. Salientou ainda o sábio amazônida, que por conta das ações ou falta delas, é que nossos netos correrão o perigo de não conhecer a bela floresta topical da Calha Norte em sua plenitude e com seus povos tradicionais vivendo dela sem prejudicá-la. Não é o que fazem os políticos e grandes empresários que só pensam em tirar proveito dela. Desmate Zero Já, é uma ilusão, concluiu ele. Mas Zé Praxedes não desiste dela não!

Além de concordar com seu amigo Sissi, o filósofo também lá das selvas lembrou que no Sul, além da cobrança da natureza contra o mau uso do Meio Ambiente, a política continua como dantes no Quartel de Abrantes.

Os urubus continuam brigando pela carniça e a presidente Dilma Rousseff, cada dia mais acuada como loba numa armadilha, promete o Ministério da Casa Civil para o ex-presidente Lula da Silva escapar da Justiça de São Paulo, que pode a qualquer momento decretar sua prisão por causa de desvios de verbas públicas do sítio em Atibaia e do tríplex no  Guarujá.

Se Lula assumir o caso, ele terá foro privilegiado, mas aí também é bom lembrar que ele poderá ser julgado pelo STF mais cedo e, também, ser condenado. É como a sardinha sendo frita em frigideira de aba curta, se cair do óleo quente vai direto pra brasa. Arre égua!

Enquanto isso, o Paraguai apreende armas de alto calibre que tinham o Brasil como destino. Onde anda o Serviço Secreto Brasileiro (Abin) pra investigar e saber quem comprou e qual seria o destino destas armas? Com a situação política e econômica que vivemos na atualidade, o Brasil é um país presidencialista sem presidente e susceptível, sim, a desordem social.

E tudo pode acontecer com os senhores Lula e Rui Falcão do PT, incitando seus partidários a irem para as ruas tentar o imponderável: calar o povo desesperado pelas falcatruas do partido deles na Petrobras, por comida, contra os preços altos dos transportes, da energia elétrica e dos combustíveis que fazem a inflação ir pras nuvens, sem falar da alta taxa de desemprego e empresas que fecharam suas portas por falências.

O que não pode é a oposição ficar agindo como urubus sobre a carniça, agitando o povo e os partidários dos políticos e empresários que foram condenados e, ainda os que estão sendo julgados e também com certeza terão o mesmo destino dos outros que já curtem o presídio. Isso precipita a convulsão social com certeza, coisa que não queremos.

Vamos aguardar que a Justiça seja feita, o que tiver que ser será, disse o filósofo, nada vai mudar o trajeto da procissão. O macaco tá certo! Vou! Fui! Inté!

Vismar Kfouri – Jornalista, escritor e ambientalista. kfouriamazonia39@gmail.com Blog: https:\\kfouriamazonia.wordpress.com – Contatos 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s